sexta-feira, 7 de outubro de 2011

« deitado num rochedo, canto para ti »

nao percebo qual e o sentido de amar, so causa sofrimento ,
todos os dias, estou a teu lado, todos os dias mostro que me es tudo ,
todos os dias estou presente na tua vida, a fazer de tudo , para que corra bem, para termos «algo» e para que ?
num dia aparece alguem , um alguem que vem estragar o nosso « algo » , minuto a minuto o meu sentimento aumenta e com ele a minha saudade, vejo-te a ficar distante , apercebo-me que te estou a perder para ele , dizes-me que nao , dizes-me que sou unico , mas os teus atos nao correspondem com as tuas palavras e o amor demonstra-se nao se descreve .
todos os dias faço o possivel para te demonstrar que te amo , todos os dias .
sinto que vai acabar da forma que mais reciava , eu sem ti , e o pior, a ver-te infeliz, pois sei que com ele nao seras aquilo que comigo podes ser.
mas aqui estou , mais um dia em que demonstro o que sinto por ti, ainda que com palavras, sao sinceras .

1 comentário:

  1. Sem dúvida que tens jeito para a escrita! :D
    Tens talento!
    Sigo! *.*

    ResponderEliminar

Que tal os textos?